background-1

Notícias

Campanha Comida boa na Mesa é tema de audiência pública

02 Jun 2016

1

Pelotas/RS - Por iniciativa do vereador Beto Z3, da Câmara Municipal de Pelotas realizou, no dia 30 de maio, uma audiência pública vinculada à programação da Semana do Alimento Orgânico, com representantes de instituições de ensino, cooperativas de produtores ecológicos, restaurantes e público em geral. Segundo o vereador, existem na região 200 famílias de agricultores agroecológicos, sendo que 50 vendem seus produtos nas feiras ecológicas que funcionam no Mercado Público, na Avenida Bento Gonçalves e na Avenida Dom Joaquim.

O tema da audiência este ano foi o consumo orgânico e a campanha permanente do Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (CAPA), Comida Boa na Mesa. Com todos os incentivos ao setor da agricultura orgânica, à produção familiar e ao consumo consciente, Pelotas é um dos centros onde mais se produz e se consome alimentos naturais. A informação é da coordenadora do CAPA/Núcleo Pelotas, Rita Surita. No município, três restaurantes oferecem alimentos orgânicos: o Restaurante Escola da Universidade Federal de Pelotas - uma iniciativa de destaque nacional -, o Restaurante Taba Ecológica e o Restaurante Teia Ecológica.

A deputada estadual Miriam Marroni também participou da audiência. "A Semana do Alimento Orgânico chega no momento em que se exige uma ação com mais força, porque as nossas conquistas estão ameaçadas”, disse. A deputada citou o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e outros programas que estimulam a produção, comercialização e consumo de alimentos orgânicos.

Estiveram ainda na audiência representantes das seguintes entidades: CAPA; Restaurante Escola da UFPel; Associação Arpasul; Comissão Organizadora da 12ª Semana do Alimento Orgânico; Restaurante Teia Ecológica; Restaurante Taba Ecológica; Núcleo de Extensão e Pesquisa em Desenvolvimento Territorial; Cooperativa Sul Ecológica de Agricultores Familiares; Emater; Grupo de Agricultura Ecológica (GAE/UFPel).

Texto e fotos: Elias Wojahn/CAPA Núcleo Pelotas